Notícia

Copiando dados com o Robocopy

18/02/2020

Neste artigo o Prof. Wagner da CD6 – Centro de Desenvolvimento de Pessoas e Negócios, vem apresentar uma ferramenta de linha de comando bem interessante, que é o ROBOCOPY (Robust File Copy). Entre as inúmeras ferramentas que executam cópias de segurança, os alunos do curso de TI também aprendem a trabalhar com esse utilitário.

Aqueles que trabalham com administração de redes e servidores de vez em quando realizam a migração de dados entre servidores, seja na ocasião de uma máquina nova ou mesmo na emergência devido a fato do servidor antigo estar com problemas. Independente da situação a transferência de dados entre os servidores sempre será necessária e esta tarefa se torna um tanto penosa quando não se tem uma ferramenta adequada. Muitos ainda utilizam a cópia manual dos dados, que além de ser mais lenta, não retorna nenhum log de verificação da cópia realizada.

Podem ser utilizados softwares e utilitários de backup, sendo que neste caso primeiro é feito o backup em alguma mídia (fita, Storage...) dos dados do servidor antigo e depois os mesmos são restaurados no servidor novo.

A ferramenta Robocopy que será abordada neste artigo, realiza cópia de diretórios e arquivos de uma forma simples e funcional e transfere inclusive os atributos e permissões NTFS originais dos dados copiados. E ele tem uma ótimo desempenho mesmo se tratando de uma grande quantidade de dados.

Uma forma  de verificar a sintaxe do comando Robocopy, é digitando o comando com a opção /?, como mostra a Figura 1.

Figura 1. Comando Robocopy

Opções de sintaxe para o comando Robocopy

A migração de dados é um ambiente bem interessante para a utilização do Robocopy Sabemos que neste caso além da cópia é necessária a manutenção dos atributos e permissões dos dados que serão migrados. Podem ser criados arquivos de lotes com chamadas para o Robocopy e sua sintaxe com o intuito de otimizar a tarefa ou até mesmo programar um agendamento.

A sintaxe do comando é a seguinte:

1 Robocopy origem destino [opções do comando]

Utilizando o Robocopy

Segue abaixo, exemplos de utilização do Robocopy

1 - Cópia do diretório Scripts armazenado na unidade C para o diretório Backup na unidade D na mesma máquina como mostra a Figura 2:

1 - robocopy.exe c:\scripts d:\backup

Figura 2. Cópia do diretório Scripts

2 -Cópia do mesmo diretório Scripts e dos sub-diretórios (opção /e) para o diretório Backup, como mostra a Figura 3:

1robocopy c:\scripts d:\backup /e

Figura 3. Cópia para o diretório Backup

3 - Cópia do dados armazenados no compartilhamento Gerencias no Servidor1 para o Servidor 2:

robocopy                  \\servidor1\Gerencias\ \\servidor2\Gerencias\             /E /ZB /COPYALL /R:0 /W:0 /V /NP /ETA /LOG:c:\teste-robocopy.log


/E – Cópia dos sub-diretóriosVejam as opções do comando utilizadas:

  • /ZB – Modo Backup
  • /COPYALL – Cópia de todas as informações do arquivo
  • /R:0 - não repete a cópia em caso de falha
  • /W:0 - por não repetir a cópia em caso de falha também não há tempo de espera entre as repetições
  • /V - Exibe os arquivos que por alguma razão não foram copiados
  • /NP - Não exibe o progresso da cópia
  • /ETA - Exibe o tempo estimado que a cópia dos dados levará
  • /LOG: - Especifica o local onde o log será armazenado

Neste artigo foi abordado os conceitos para utilização da ferramenta Robocopy

Voltar